quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Revisão Inteligente Para Não Esquecer Nunca Mais


No artigo: Como a curva do esquecimento destrói seu sucesso nos estudos, falei sobre a pesquisa que revelou que em 30 dias um estudante esquece até 98% do que aprende e nesse artigo quero ensinar como fazer com que isso não aconteça. Para entender o porque do método que vamos ensinar, é importante a leitura do artigo acima.

O simples e ao mesmo tempo precioso segredo para que você não esqueça o que aprende é a Revisão. Aliás, é um segredo tão simples que a maioria dos estudantes não dá muito atenção a isso  e acabam buscando coisas mais complicadas e que não funcionam com a mesma eficácia. Um método de revisão inteligente é uma das melhores estratégias para a boa memória.

A pergunta é: qual o método de revisão que gasta menos tempo e ao mesmo tempo nos faz manter por longo prazo a informação?

Testes com estudantes desde o século passado com diferentes métodos de revisão, concluíram que o método mais eficaz, para garantir que  a informação passe realmente da memória temporária para a memória permanente e fique armazenada no seu cérebro por um longo prazo é o seguinte:

Revise a informação: 

IMEDIATAMENTE - Imediatamente após tê-la aprendido. Para isso, repita a informação de 3 a 5 vezes (método da Super Aprendizagem). Isso significa que se você está estudando aquele livro de matemática e se depara com uma formula qualquer ou um conceito muito importante, deveria parar a leitura e repetir a formula ou conceito (tentando memorizar) de 3 a 5 vezes bem rapidinho e só depois disso, deveria continuar a leitura (essa já é uma primeira revisão).

10 Minutos após estudar o assunto - Após cada 1 hora de aula o certo é o estudante dar uma pausa de 10 minutos para descansar o corpo e a mente e após essa pequena pausa deve revisar as informações mais importantes aprendidas durante essa 1 hora. 

Por que? Bem, depois de uma hora você terá aprendido o assunto e tudo estará fresquinho na sua memória. Quando você voltar após 10 minutos, terá desviado sua mente do assunto e quando revisar as informações importantes, seu cérebro estará tendo contato com a mesma informação pela segunda vez e isso fará duas coisas: 1) vai mostrar para o seu cérebro que essas informações são as mais importantes no meio de tudo que você estudou e devem ser lembradas e 2) vai fazer com que essa primeira revisão mantenha a informação fresca na sua memória pelas próximas 24 horas

1 DIA após estudar o assunto - 24 horas depois de ter aprendido  e revisado a informação duas vezes (imediatamente após ter aprendido e 10 minutos depois) ela ainda estará fresca na memória, porém, se nada for feito com a informação, parte da memória dela começará a enfraquecer e daí a necessidade de fazer uma terceira revisão, que trará a lembrança da informação novamente a 100%.

1 SEMANA após ter estudado - Ter revisado a informação mais uma terceira vez após 24 horas, fará com que a memória dela agora permaneça por mais tempo. A informação agora ficará fresca em sua memória por mais 7 dias, quando, novamente, começará a perder sua força se nada for feito com ela, o que nos leva a quarta revisão. Revise uma semana depois e traga a memória novamente a 100%

1 MÊS após ter estudado - Coragem, você está quase lá! Está à apenas 1 passo de conseguir a memória e o domínio permanente da informação. Depois de 1 mês após ter aprendido a informação e seguindo os passos anteriores, ela ainda estará fresca em sua memória, porém, começará a definhar, a escorrer pelos seus dedos se não for revisada novamente, por isso, revise pela quinta vez a informação.

6 MESES após ter estudado - Essa é a etapa final! Onde se separa a criança do adulto e o amador do profissional. É com essa sexta revisão que a informação passa definitivamente para sua memória permanente e  provavelmente nunca mais será esquecida. Você agora atingiu a maestria e sabe aquilo pelo resto da vida, podendo usar em provas, concursos ou em sua vida profissional.

Esse método de revisão inteligente foi cientificamente comprovado e basta seguir a formula passo a passo, o que nos leva a seguinte questão: Como organizar isso tudo e saber quando revisar o que? E mais importante: Vale a pena o tempo perdido com tantas revisões?

Bem, a resposta a essas perguntas está nesse outro artigo: 

Sistema André Caldas de Revisão Inteligente. Clique para acessar.

Fontes: André Caldas  /  www.neurosoftware.com.br

Palavras chaves: memorização, revisão, branco de memoria, esquecimento, estudo

2 comentários:

  1. Olá, boa tarde!
    Primeiramente quero lhe parabenizar por compartilhar conosco essas preciosas informações, que definitivamente são de grande valia para quem precisa de um método poderoso e eficiente para passar em concursos ou seja lá qual for seu objetivo dentro da área de aprendizagem. Estou disposto a adotar o método em meu plano de estudos, e preciso de algumas informações essenciais para que ocorra como planejo. A minha dúvida é com relação ao tempo/quantidade de exercícios de fixação propostos pelos conteúdos que tenho que estudar. Como devo encaixá-los no método da revisão? Devo fazer depois das revisões, ou quando estiver em sala?
    Desde já agradeço a oportunidade e aguardo retorno!

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito bom, vou tentar aplicá-la

    ResponderExcluir